Pente ou escova? Conheça as vantagens e desvantagens de cada um na hora de pentear os fios

Pente ou escova? Saiba qual escolher a partir das vantagens e desvantagens deles

Você já se perguntou qual é o certo: pente ou escova? Saber a ferramenta certa para o seu tipo de cabelo é essencial para garantir que ele tenha o cuidado que ele realmente precisa. Saber o pente ou escova ideal para as madeixas pode fazer uma grande diferença no dia a dia.

Na hora de escolher o seu pente ou escova, deve-se sempre levar em consideração o formato de seu cabelo, os cuidados que ele precisa no momento e qual pente ou escova podem proporcionar o que ele precisar.

Quer saber qual é o pente ou escova certo para você e quais as vantagens de cada um? Confira abaixo!

Pente ou escova: qual o melhor?

O dilema do “pente ou escova” ainda não conta com nenhuma fórmula ou resposta que possa responder se o pente ou escova é realmente um melhor que o outro.

Cada um deles, seja o pente ou escova, tem suas qualidades específicas que atendem as necessidades de cabelos específicos também. Para saber qual é a escolha certa a ser feita, é necessário se atentar a como os seus cabelos estão e são, então até você saber qual é o ideal para você, não adianta se livrar de um deles, seja o pente ou escova.

Por esse mesmo motivo, não dá para indicar nenhum pente ou escova que funcionou para você, porque a pessoa que recebe a indicação pode não ter o mesmo tipo de cabelo, logo não surtirá efeito.

Com toda essa explicação, é hora de finalmente entender como o pente ou a escova funcionam. A escova tem a função de limpeza, trazendo a oleosidade da raiz até os nutrientes da base para as pontas dos cabelos. Enquanto o pente tem a função de desembaraçar os fios e possui pouca capacidade de modelagem.

Vantagens e desvantagens do pente

Como foi dito acima, o pente ou escova tem as suas próprias vantagens e desvantagens. 

O pente não consegue auxiliar na limpeza dos fios como a escova faz, porém ele consegue atuar na hora de desfazer nós e desembaraçar o cabelo, principalmente quando molhado, de modo que não quebre os fios e não cause frizz.

Porém, se você quer uma ajuda para modelar o seu cabelo e tiver que escolher entre o pente ou escova, escolha a escova.

Vantagens e desvantagens da escova

A escova auxilia na limpeza e saúde do cabelo, além de ser uma ótima ajudante para quem quer modelar as madeixas, principalmente com o uso de calor. Porém, o uso excessivo da escova pode resultar na estimulação e produção de oleosidade em excesso, por isso deve-se sempre atentar a como o seu cabelo está reagindo à escovação.

Conheça os tipos de escova e pente para cada finalidade

Existem diversos tipos de pente ou escova para cabelos lisos ou cacheados, por isso, veja aqui algumas descrições para você conseguir escolher a opção certa para você!

Começando pelos pentes, existem diversas opções para se conhecer:

Pente fino

O pente fino é usado principalmente na divisão de mechas, mas também pode ser utilizado para processos de alisamento ou coloração dos seus cabelos e é perfeito para espalhar produtos no cabelo.

Pente fino tipo garfo

Esse tipo de pente é indicado para desembaraçar fios mais sensíveis, por conta de seus dentes mais longos. Eles são perfeitos para quem tem cabelos crespos, já quando são soltos conseguem dar forma aos cachos.

Pente dentes largos

Ele facilita a hora de desembaraçar qualquer tipo de cabelo. Na hora de escolher o seu, dê preferência aos pentes de pontas arredondadas para não machucar o couro cabeludo.

Pente de madeira

Eles são os mais indicados para todos que sofrem com o problema do frizz, já que a madeira neutraliza a estática dos fios e ajuda a diminuir o aspecto de arrepiado comum.

Pente de modelação

Também chamado de pente jacaré, ele tem um desembaraçador em seu cabo que consegue facilitar trabalhos como penteado, escovação e também na modelagem.

Agora, indo para o lado das escovas, é necessário comentar sobre as escovas de madeira e bambu. Por muitos anos a madeira foi a preferida de muitos, por ser eficiente contra a eletricidade estática, podendo diminuir o frizz e abaixar o volume dos cabelos. Porém, quando se trata de escovas de madeira, é necessário se certificar que ela esteja sempre limpa, já que fios embolados podem ajudar a umidade a tomar conta da escova.

Se você quiser usar uma escova para desembaraçar o seu cabelo, opte pelos modelos com base almofadada, porque isso ajuda a reduzir o atrito, evitando quedas e pontas duplas.

O formato da escova também tem grande influência nessa decisão. Existem as escovas redondas, chapadas e vazadas. As redondas servem para poder modelar o cabelo, as chapadas servem para pentear o cabelo e as vazadas ajudam na circulação de ar, perfeita para cabelos molhados.

Já as cerdas das escovas contam com mais variedades, confira algumas:

Cerdas sintéticas

Melhor opção para quem tem cabelos grossos e com alisamento. Ideais para os cabelos crespos, ondulados ou cacheados. 

Cerdas duras

Elas devem ser usadas principalmente em cabelos mais grossos. Quem tem cabelos finos e quebradiços deve sempre evitar esse formato de cerdas.

Cerdas maleáveis

Indicadas para quem tem os fios bem finos e delicados, que precisam de maior atenção.

Cerdas com bolinhas nas pontas

 As bolinhas servem para proteger o seu couro cabeludo de atritos.

Cerdas naturais, de crina ou pelos de cavalo

Indicadas para as pessoas de cabelos lisos ou ondulados, já que combatem a eletricidade e não quebram os fios no processo.

Cerdas ionizadas

Elas liberam íons negativos, proporcionando mais brilho aos fios, já que as moléculas de água são quebradas em moléculas bem menores, de forma que consigam entrar na estrutura do fio. Essa umidade faz com que a estrutura dos fios seja enriquecida e os tornam mais saudáveis, além de neutralizar a eletricidade estática e selar a cutícula dos fios.

Quer saber mais sobre pente ou escova? Acesse a página do Slow Beauty!